Português Italian English Spanish

Grêmios Estudantis usam tecnologia com atividades para comunidade durante isolamento social

Grêmios Estudantis usam tecnologia com atividades para comunidade durante isolamento social


Para desenvolver materiais orientadores, atividades e lives, 367 agremiações estão atuando à distância

Mesmo com aulas à distância e isolamento social decorrentes da pandemia da covid-19, estudantes gremistas de 367 escolas municipais de São Paulo continuam atuando ativamente em suas comunidades. Os alunos elaboram materiais orientadores, atividades e lives, coordenados por seus educadores e apoiados pela Divisão de Gestão Democrática e Programas Intersecretariais e Coordenadoria dos CEUs e Educação Integral – COCEU.

Entre as ações realizadas está a proposta dos estudantes do Grêmio Estudantil do Centro Educacional Unificado (CEU) EMEF Água Azul da Diretoria Regional de Educação (DRE) Guaianases, que criaram tutoriais para ensinar seus colegas a mexerem no Google Sala de Aula, ensinando também como postar atividades no aplicativo. Estes jovens ainda desenharam e criaram o logotipo da unidade escolar, colocando o mesmo para votação na página oficinal da escola. Além disso, produziram vídeos de incentivo para os professores e os demais estudantes da unidade, representando a força da escola e a voz de todos os alunos do CEU.

Os estudantes da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Jairo de Almeida da DRE Pirituba/Jaraguá, supervisionados por educadores da unidade, também entraram na luta contra o coronavírus, criando grupos de WhatsApp para alertar as pessoas sobre o perigo da Covid 19, bem como as consequências das fake news. O trabalho foi articulado entre os estudantes do Projeto Imprensa Jovem e do Grêmio Estudantil, por meio de ilustrações de personagens de HQ e criação de mensagens claras, objetivas e verdadeiras, com a intenção de conscientizar a população dos cuidados que devemos tomar para evitar a contaminação pelo novo vírus.

Além destes, outro trabalho que vem ganhando atenção é a atuação dos estudantes gremistas e seus educadores na rede social da EMEF Raul Pilla, pertencente à DRE São Miguel Paulista. São postadas lives para aproximação com a comunidade escolar, objetivando esclarecer dúvidas sobre o uso das plataformas virtuais por meio da real interação entre estudantes que já dominam o manuseio e exploração das plataformas e seus colegas, bem como seus pais, que estão encontrando dificuldades durante o processo. A partir dos comentários lançados durante as lives, a Unidade Educacional realiza os encaminhamentos necessários, visando amparar seus seguidores, apresentando alternativas para as dificuldades apresentadas. Vídeos produzidos pelos representantes dos Grêmios Estudantis também estão sendo postados para trazer alento e esperança ao público, orientando que as pessoas fiquem em casa.

“As atividades apresentadas simbolizam apenas algumas ideias do que está acontecendo na RME e reforçam a importância para a promoção de atividades que propiciem a democracia participativa e cidadania ativa, visando o bem-estar físico, mental e social, na perspectiva do desenvolvimento sustentável e da cultura de paz e não violência”, destacou Rogério Gonçalves, diretor da Divisão de Gestão Democrática e Programas Intersecretariais.

Live

Em 4 junho, dois estudantes gremistas, Júlia Fernandes, da EMEF Henrique Souza Filho Henfil e Francisco Lucas Freire Almeida, do CEU EMEF Água Azul participaram de um bate-papo com os professores Rogério Gonçalves da Silva e com Gabriel Medina de Toledo, que atuam na mobilização dos alunos na Rede Municipal de Ensino de São Paulo. A conversa foi transmitida ao vivo no Facebook da Secretaria Municipal de Educação e teve audiência de cerca de 500 pessoas simultaneamente. Assista.

Divisão de Gestão Democrática e Programas Intersecretariais – Faz parte da Coordenadoria dos CEUs e Educação Integral – COCEU, e atua com o objetivo de desenvolver políticas públicas integradas com vistas à melhoria das aprendizagens relacionadas à Educação em Direitos Humanos (EDH), Democracia Participativa, Cidadania Ativa, Promoção da Saúde e Bem-Estar Físico, Mental e Social, na perspectiva do Desenvolvimento Sustentável e da Cultura de paz e não violência.

Publicação - 15/06/20, às 15h43