Português Italian English Spanish

O mundo muda com o seu exemplo, não com a sua opinião

O mundo muda com o seu exemplo, não com a sua opinião


A prática de atitudes sustentáveis contribui para um meio ambiente ecologicamente equilibrado. Para tanto, o uso racional dos recursos naturais é fundamental nesse processo, por serem de extrema importância para a continuidade da vida de todos os seres.

Os recursos podem ser classificados em função da sua demanda na natureza em renováveis e não renováveis. Os recursos renováveis são regenerados de forma espontânea pela natureza como, por exemplo, a água; a energia do sol, o vento,o solo, a vegetação; já os não renováveis, quando extraídos ou utilizados por um período determinado de tempo, não se regeneram naturalmente, ou demoram muito tempo para se produzir, por exemplo: petróleo, ferro, ouro.

Um simples ato de imprimir nos dois lados da folha, de utilizar um copo retornável para beber água, de realizar compras sustentáveis que priorizem critérios ambientais, de plantar árvores, de respeitar nossa fauna e flora (nossas florestas), de separar seu lixo, de evitar o uso do plástico e descartáveis, bem como de educar pessoas no seu entorno, sobre a importância da conservação ambiental são exemplos de atitudes sustentáveis que devem ser incentivadas.

Essas iniciativas tem como objetivo estimular a reflexão sobre a responsabilidade socioambiental e a mudança de atitude no ambiente em que se vive.

O incentivo dos órgãos, de instituições públicas, das organizações privadas a adotarem um modelo de gestão organizacional focado na sustentabilidade ambiental e socioeconômica são fatores cruciais para se obter um Plano de Gestão Sustentável eficiente.

O Brasil abriga a maior biodiversidade do planeta. A variedade de biomas reflete a enorme riqueza da flora e da fauna brasileira. Esta abundante variedade de vida – que se traduz em mais de 20% do número total de espécies da Terra – eleva o Brasil ao posto de principal nação entre os 17 países megadiversos (ou de maior biodiversidade).

Uma gestão eficiente destes recursos naturais é extremamente fundamental, em um país como o Brasil, que apresenta grande dimensão territorial.

Além de Políticas públicas que disponibilizem ferramentas de planejamento para que as entidades possam estabelecer práticas de sustentabilidade e racionalização de gastos e processos na administração pública. As instituições públicas, privadas e cada cidadão devem dar o exemplo de ações e programas conscientes.

Que isso se propague e vire rotina no cotidiano de todos!!! 

Flávia Neves.